Sobre

História da Rodas

Como tudo começou:

A ONG Rodas da Paz, organização apartidária e sem fins lucrativos, foi instituída em 2003 com o objetivo de reagir à violência e ao crescente número de acidentes e mortes no trânsito do Distrito Federal. Desde então, promove ações para a conscientização em prol de um trânsito seguro para todos, com especial atenção para os usuários da bicicleta. Entre suas ações estão palestras educativas, manifestos, passeios ciclísticos, recolhimento e distribuição de bicicletas doadas e iniciativas junto aos Poderes Legislativo e Executivo e suas políticas públicas, além da permanente vigília sobre o Estado para garantir a todos o direito da mobilidade com segurança, independentemente do meio de locomoção.

Por todas essas ações, a Rodas da Paz já foi premiada quatro vezes. Em 2004, recebeu o Prêmio Denatran; em 2006, o Prêmio Volvo de Segurança no Trânsito; em 2007, foi agraciada pelo Ministério Público do Distrito Federal com a Insígnia da Ordem do Mérito.

Neste ano, a ONG recebeu dos Correios o prêmio Destaque do Ano, pela parceria na campanha anual Doe Bicicleta, que recolhe centenas de bicicletas usadas, conserta e depois entrega a comunidades carentes e atende às crianças que escrevem ao Papai Noel e pedem bicicleta de presente.

Esses prêmios constituem reconhecimento e incentivo ao nosso trabalho por parte dos órgãos públicos, das instituições privadas e da sociedade, motivando a consecução de nossas intenções e propiciando a adesão do conjunto social aos objetivos de nossas ações.

A Rodas da Paz vem desenvolvendo trabalho de incentivo ao uso de bicicleta e de educação no trânsito com vistas à boa convivência nas vias do Distrito Federal. A bicicleta representa mobilidade limpa, inclusiva e saudável. A cultura da bicicleta enriquece culturalmente as cidades, melhora a qualidade de vida e reduz o conflito na estrutura urbana. Também gera economia, poupa vidas e propicia um convívio mais humano no dia a dia das cidades. O incentivo ao uso seguro de bicicleta é tendência internacional e tema de ascendente relevância na agenda política do nosso País.

Para desenvolver as ações, a ONG depende do apoio de entidades e empresas parceiras, que se identificam com a causa da sustentabilidade, da mobilidade saudável.

4 ideias sobre “Sobre

  1. Eduardo

    Bom dia, sou coordenador de um grupo de Ciclismo Conexão Bike Aventura, estamos querendo nos constituir como ONG para debatermos sobre a poluição nos rios e lugares aqui próximos e cuidados com o Meio Ambiente, podemos ser uma ONG em relação a essas preocupações.

    Responder
    1. Webmaster

      Olá Ana Lúcia!

      Você pode deixar as bicicletas no pontos de coleta dos nossos parceiros:
      Grupo Escoteiro Moraes Antas no final da Asa Norte aos sábados a tarde (localização no mapa) ou na loja Taguaciclo em Taguatinga Sul (QSA 9 LOTE 1 LOJA, 1).

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *