Passeio Anual Rodas da Paz 2015 – veja as fotos!

cover_passeio1

álbum no Flickr aqui.

texto de divulgação:

No dia 26 de julho de 2015, a ONG Rodas da Paz realizará mais uma edição do seu tradicional passeio ciclístico. Além do percurso tradicional até à Ponte JK, haverá pela segunda vez o circuito menor na Esplanada, especialmente para as famílias que irão pedalar com crianças pequenas, o Passeio Rodinhas da Paz!

Todo ano, o evento reúne milhares de ciclistas. Trata-se de um momento importante de garantir visibilidade para a causa da mobilidade sustentável e da paz no trânsito e também para reforçar o compromisso do governo com melhorias nas condições de mobilidade da população.

O passeio se transforma numa verdadeira festa, que conta com a presença de ciclistas de todas as idades e, também, de patinadores, skatistas e corredores. Além disso, é gratuito, aberto para toda população do Distrito Federal e independe da inscrição prévia, mas apenas os inscritos participam da distribuição de camisetas.

FAÇA SUA INSCRIÇÃO!

===================================================
SAIBA MAIS SOBRE O TEMA DO PASSEIO 2015
A BICICLETA INTEGRA AS CIDADES
====================================================

O céu do planalto central oferece um horizonte lindo e irresistível. Ir cada vez mais longe, por entre as cidades do DF pode ser igualmente empolgante. Não seria de tirar o fôlego se as Estradas Parques tivessem áreas verdes ao seu redor, no lugar de tanto congestionamento, barulho e poluição? Ir de bicicleta de uma cidade a outra do DF poderia ser muito mais fácil do que é. Na semana do 13º Passeio Anual da Rodas da Paz, a lei distrital sobre a previsão de ciclovias em rodovias completa dez anos, com um longo caminho pela frente para se tornar efetiva.

Se a lei 3.639 ainda não saiu do papel, cada vez mais bicicletas saem das garagens e tomam as ruas do DF. É uma tendência irreversível para o DF, que aponta rumo à mobilidade sustentável. A bicicleta tem emissão zero de poluentes, enquanto que o passageiro de um carro emite em média 126g de CO2 por km percorrido, além de outras substâncias nocivas à saúde. Na EPTG, por exemplo, isso significa que após uma pessoa rodar 12 km de carro, 1,5kg de gás carbono são liberados na atmosfera.

O Plano Piloto concentra 47,7% dos empregos do DF e milhares de trabalhadores se transportam diariamente até essa região. Além dos grandes deslocamentos que acontecem entre as cidades daqui, a cada dia, 200 mil pessoas saem do entorno para vir ao DF.  O desenho urbano distrital, construído no auge da indústria automobilística nos anos 60, privilegiou a ligação entre as suas cidades e bairros por meio de vias largas e de alta velocidade. Por isso, temos hoje muitas rodovias em áreas urbanas, o que é um dos fatores responsáveis pela violência no trânsito. De acordo com os dados do DETRAN-DF, mais da metade das mortes de ciclistas no DF acontece em rodovias.

O nosso desejo é por mais vias cicláveis, menores limites de velocidade e ciclovias em todas as rodovias do DF. Para a Rodas da Paz isso significa a convivência pacífica e harmônica, como também a possibilidade de que mais gente tenha chance de viver a cidade com todas as suas oportunidades.

Uma mobilidade eficiente, que dê mais atenção aos pedestres e ciclistas, permite a criação de laços sociais e afetivos mais fortes entre os habitantes de um território. A bicicleta é um importante instrumento de transformação do cenário atual, pois reúne as pessoas e coloca em contato todos aqueles que utilizam nossos espaços públicos. A bicicleta conecta amores, trabalhos e prazeres na cidade.

PERCURSO TRADICIONAL

Percurso adulto

PERCURSO RODINHAS DA PAZ

Percurso infantil

15 ideias sobre “Passeio Anual Rodas da Paz 2015 – veja as fotos!

  1. Pingback: Passeio Ciclístico – Brasília | Instituto Sabin

  2. Jose botelho de araujo

    acho que todo cidadaõ brasileiro deveria respeitar o ciclista, como todas pessoas , por onde elas passan

    Responder
  3. wendel

    olha a avenida Helio prates que corta Ceilândia e Taguatinga precisa de uma ciclo via assim como a eptg e campanhas educativas voltada para ciclistas também, vejo muitos sem nenhuma sinalização de segurança quando dirijo o meu carro. a conscientização tem que ser de todos e um abração galera do Rodas da paz, valeu a iniciativa sucesso sempre e paz no transito para todos…

    Responder
    1. Rodas da Paz

      Obrigada, Wendel! A Segeth (Secretaria de Gestão do Território e Habitação) está estudando um projeto de ciclovia para a Hélio Prates, em breve teremos novidades sobre esse projeto no site/facebook da Rodas da Paz. Ajude-nos a divulgar o Passeio!

      Responder
  4. Marc

    Tenho que levar algum documento impresso pra retirar a camiseta ??? O Que tenho que levar para me identificar e retirar a camiseta ???

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *