ONG Rodas da Paz lança material com atividades interdisciplinares sobre mobilidade urbana para professores

ONG Rodas da Paz lança material com atividades interdisciplinares sobre mobilidade urbana para professores

Capa

Diferentes caminhos se cruzam rumo à escola e os alunos optam pelos meios de transporte disponíveis para acessar o direito à educação. A escola pode se tornar um espaço privilegiado para debater a mobilidade urbana e os jovens, os sujeitos estratégicos para se pensar formas sustentáveis de se deslocar pela cidade. Considerando o potencial de parceria com professores, a associação civil Rodas da Paz publicou a cartilha online e gratuita “Caminhos da cidade: Atividades interdisciplinares sobre mobilidade urbana“.

A primeira edição da obra conta com exemplos de exercícios para as disciplinas de Português, Literatura, Artes visuais, Inglês, História, Geografia, Física e Matemática. A proposta é estimular os estudantes a aplicarem o conteúdo curricular da nona série do ensino fundamental e do primeiro ano do ensino médio à realidade ao seu redor. Em consonância com as provas do governo para avaliação do desempenho dos alunos, a publicação sugere atividades para problematizar o cotidiano da turma. Uma das situações, por exemplo, figura a escolha de uma jovem por moradia que esteja a 15 minutos da estação do metrô.

Os exercícios são variados e a forma de aplicação é flexível. O professor de uma disciplina específica pode optar por aplicar os exercícios somente para a sua aula. Outra possibilidade é a parceria de professores de diferentes disciplinas ou a utilização da cartilha em datas comemorativas, como a semana do Dia Mundial sem Carro (22 de setembro) ou do Dia Mundial do Meio Ambiente (5 de junho).

A Rodas da Paz convida as escolas e professores a embarcarem nesta iniciativa e a enviarem fotos e demais produções dos alunos na temática da mobilidade urbana para [email protected].

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.